A publicação reúne recomendações da Abrainc e iniciativas desenvolvidas pelas incorporadoras nos canteiros de obras por todo o País.

Abrainc publica manifesto contra paralisação do país

Vídeo educativo sobre distrato produzido pela Abrainc está disponível no YouTube

ArrowArrow
ArrowArrow
Slider

 

18 de outubro de 2016

Entidades do mercado imobiliário realizam o 1º Feirão Morar Bem, Viver Melhor em São Paulo

releases

 

A iniciativa, que tem o Governo do Estado como parceiro, visa contribuir para a realização do sonho da casa própria e oferecerá subsídio de até R$ 40 mil para mais de 2 mil famílias, entre servidores estaduais e inscritos no auxílio moradia

A Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), o Sindicato da Habitação (Secovi SP) e o Sindicato da Construção (SindusCon-SP), em parceria com o Governo do Estado de São Paulo, realizam nos próximos dias 5 e 6 de novembro, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, o 1º Feirão Morar Bem Viver Melhor, que objetiva contribuir para a retomada do crescimento do setor imobiliário.

O vice-presidente executivo da Abrainc, Renato Ventura, afirma que esta parceria do setor de incorporação com o Governo do Estado é bastante positiva, pois alavanca o atendimento às necessidades de moradia, além de estimular a geração de novos postos de trabalho. “A iniciativa é um passo importante para ajudar na viabilização do sonho da casa própria, além de estimular a economia do País”, comenta Ventura. Ele acrescenta que espera ver a ação repetida mais vezes na cidade de São Paulo e replicada em outras cidades do interior do Estado.

Na oportunidade, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Habitação, lançará o Cheque-Moradia, um certificado de subsídio a fundo perdido de até R$ 40 mil, para os servidores públicos estaduais e beneficiários do auxílio-moradia da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano).

“O Estado investirá, por meio da Casa Paulista, R$ 56 milhões para que em torno de 2 mil famílias conquistem a sua casa própria”, afirma o secretário estadual da Habitação, Rodrigo Garcia.

O valor dos Cheques varia de R$ 5 mil a R$ 40 mil, de acordo com a renda mensal das famílias e a região do Estado em que está localizado o imóvel. O subsídio é voltado para funcionários públicos, ativos e inativos, dos poderes Executivo, Legislativo ou Judiciário, com renda familiar bruta de até R$ 5.280, e os beneficiários do auxílio-moradia – que recebem até R$ 400 por mês. Os cerca de 2 mil Cheques-Moradia só poderão ser utilizados durante o Feirão. O interessado não pode ser proprietário de imóvel residencial ou ter recebido atendimento habitacional anterior.

O valor máximo das moradias também será de acordo com a região estadual e varia de R$ 90 mil em cidades com menos de 20 mil habitantes até R$ 200 mil na Capital.

O Feirão Morar Bem, Viver Melhor terá a venda de imóveis novos, em condições vantajosas para servidores públicos e beneficiários do auxílio-moradia. As incorporadoras oferecerão desconto no valor dos imóveis, além de custear a documentação necessária, como registro do imóvel e pagamento do ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis). Com isso, os compradores terão mais oportunidades para conseguir financiamento habitacional do restante do valor do imóvel na Caixa Econômica Federal.

O Feirão é aberto a toda a população interessada na aquisição da casa própria, mas apenas esses dois públicos receberão subsídio estadual. Os imóveis à venda terão financiamento pelo FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), pelo Programa Minha Casa, Minha Vida ou pelo SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo). O evento também está aberto para comercializar empreendimentos das faixas 1,5 – novo programa para imóveis de até R$ 135 mil – e 2 do Programa Minha, Casa Minha Vida, do Governo Federal. Os subsídios do Cheque-Moradia e dessas faixas do programa federal serão acumulativos.

Cheque-Moradia

Para poder usar o Cheque-Moradia, os funcionários públicos estaduais deverão fazer um cadastro prévio no site da Secretaria de Estado da Habitação (www.habitacao.sp.gov.br), que desde esta segunda-feira (3/10) conta com botão do 1º Feirão Morar Bem, Viver Melhor. O site tem todas as informações sobre o benefício, inclusive, a lista dos documentos que precisam ser levados no Feirão e as regras para participar. Além disso, estão sendo cadastrados os beneficiários do auxílio-moradia que se enquadram no programa.

O Cheque-Moradia terá validade de 90 dias, prazo estimado para viabilizar as contratações iniciadas durante o evento e assinatura de contrato de financiamento habitacional com a Caixa Econômica Federal. Após o comprador contratar o imóvel com o incorporador, não será possível alterar o imóvel em que o interessado usará o subsídio.

Feirão

 O 1º Feirão Morar Bem, Viver Melhor é um evento de apoio ao crédito habitacional que oferece condições para que mais famílias de baixa renda realizem o sonho da casa própria. Além disso, direciona estoques de unidades habitacionais, que se acumularam durante a atual crise econômica, e contribui para a retomada do crescimento do setor imobiliário e para a geração de empregos. A oferta será apenas de imóveis novos. Podem ser unidades prontas, em obras ou lançamentos na planta.

Agentes da Secretaria de Estado da Habitação estarão no evento, à disposição dos interessados, para esclarecer eventuais dúvidas para o uso do Cheque-Moradia.

 Morar Bem, Viver Melhor

 O Morar Bem, Viver Melhor é a Política Habitacional do Estado de São Paulo. Reúne todas as ações e investimentos da Secretaria de Estado da Habitação, como infraestrutura, urbanização, requalificação, acessibilidade, qualidade das construções e equipamentos, cuidados com o meio ambiente, inovações e qualidade de vida para as famílias atendidas.

Serviço

Feirão Morar Bem, Viver Melhor

Data: 5 e 6 de novembro

Local: Ginásio do Ibirapuera

Horário: das 9h às 20h

Entrada: gratuita

 

Sobre a ABRAINC

A ABRAINC foi constituída em 2013 com o objetivo de levar mais eficiência à gestão, qualificar e aprimorar o processo da incorporação imobiliária. Atualmente a ABRAINC reúne 35 companhias de capital aberto e/ou com presença nacional/ relevância regional. Seu objetivo é representar essas empresas, fortalecendo o setor e contribuindo para o desenvolvimento sustentável do país e de suas cidades. A associação atua em defesa da responsabilidade socioambiental, da ética, da integridade e das conformidades técnica, fiscal e urbanística.

Entre os principais temas em debate atualmente na associação estão as questões referentes aos processos de incorporação, ao impacto dos empreendimentos nas cidades, à burocracia nas diversas fases do negócio, à produtividade do setor e à ampliação do crédito e do financiamento.

Fazem parte da ABRAINC a Alphaville Urbanismo, BSP, Bueno Netto, Brookfield, Canopus, Canopus Maranhão, Cury, Cyrela, Direcional, Econ, Emccamp, Esser, Even, EZtec, Gafisa, Pacaembu, Helbor, HM, MRV, Odebrecht Realizações, Namour, Niss,  Patrimar, PDG, Plano & Plano, Rodobens, Rossi, Setin, Stuhlberger, Tecnisa, Tenda, Toledo Ferrari, Trisul, You. Inc. e Yuny.

Informações à imprensa:

Carolina Faria – 11 3165-9596/ 11 2737-1400 / carolina.faria@fsb.com.br

Mariana Spezia – 11 3165-9596/ 11 2737-1400/mariana.spezia@fsb.com.br

Rafael Faro –11 3165-9596 / rafael.faro@fsb.com.br